Instituto Cultural Germânico traz exposição sobre a origem da vida


Luciane Valença

exposição cósmicas

Instituto Cultural Germânico traz exposição sobre a origem da vida
A artista Luciane Valença nos convida a uma viagem cósmica

As árvores em muitas culturas são carregadas de simbolismo e religiosidade. Para a maioria dos povos da Mesoamérica ela representava a Via Láctea através da Árvore do Mundo, símbolo maia da criação e da organização da ordem do mundo como os dias e as noites. Luciane Valença nos propõe um paralelo entre a gestação do homem e sua manutenção, até a sobrevivência por meio dessa diversidade.

Possuímos uma espinha dorsal que lembra um tronco, braços que parecem galhos, e cabelos que lembram folhas. Crescemos em direção à luz, da mesma forma que os galhos da árvore esticam-se em direção ao sol. É isso que diz Luciane Valença, que expõe suas obras no Instituto Cultural Germânico de 3 de julho a 01 de agosto. Na exposição “Cósmicas”, ela busca dialogar com…

Ver o post original 212 mais palavras

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s